NFT: O que é non-fungible token? Como funciona? Como investir?

NFT é a abreviação para non-fungible token, ou seja, um token não fungível. Isso quer dizer que esse tipo de token não pode ser substituído por outro, pois ele é único! O Bitcoin é fungível, pois se você trocar 1 moeda de BTC por outra moeda de BTC, você acabará com a mesma coisa, sem diferenças.

O que é NFT?

NFT é a abreviação para non-fungible token, ou seja, token não fungível, o que não explica nada sobre a tecnologia, pois eu não sei nem o que significa “fungível”. Eis a explicação do Google:

Significado da palavra fungível, fundible

Veja o significado “2”, é ali que está o grande pulo do 🐱: pode ser substituído por outra coisa de mesma espécie. Portanto, podemos concluir que se um NFT é um token não fungível, significa que ele não pode ser substituído. Um token não fungível é um cripto ativo único, que não pode ser substituído por nada parecido. O Bitcoin, por exemplo, não é um NFT, pois ele é fungível. Isso significa que se eu trocar 1 moeda de BTC por outra moeda de BTC, eu terei a mesma coisa no final das contas.

MekaVerse, coleção de NFT japonesa

Por exemplo, eu postei aqui há algum tempo, uma notícia sobre o MekaVerse, uma coleção de robôs em non-fungible token . Os NFTs são como se fossem figurinhas colecionáveis, ou tazos, ou até selos de cartas colecionáveis. No caso da MekaVerse, os NFTs são esses robôs, que podem – ou não – vir com itens raros. Quanto mais raros, mais caros! Isso significa que se você comprar esse Meka aqui ao lado (ou abaixo, caso você esteja vendo pelo celular) com esses detalhes rosa e amarelo, só você terá um Meka como este.

Jogos em NFT

Você deve ter ouvido falar sobre os jogos em blockchain onde você recebe recompensas em criptomoedas ao ganhar batalhas e/ou missões, não é? O jogo é todo baseado em NFT, pois se você cria um personagem, que vai evoluindo, desenvolvendo suas habilidades e adquirindo itens, esse personagem é exclusivamente seu, pois ninguém terá um personagem com as mesmas características.

Por exemplo, um jogo que virou febre, o Axie Infinity. Neste jogo, você precisa comprar 3 NFTs para entrar, sendo que esses NFTs são uns bichinhos, chamados Axies. Durante o jogo, você precisa completar missões para ganhar a criptomoeda SLP e vencer batalhas para ganhar a criptomoeda AXS. Um protocolo inteligente feito na blockchain confirma que a sua wallet é detentora daqueles axies. O interessante, é que você pode cruzar dois axies para nascer um novo NFT, que herdará as características predominantes de cada axie que o gerou.

Jogo NFT Axie Infinity

Como um Non-fungible token funciona?

Um NFT pode ser qualquer coisa digital: um vídeo, um áudio, uma imagem, seu cérebro transformado em uma inteligência artificial, etc, mas a grande excitação do momento tem sido usar a tecnologia do NFT para vender arte digital e para usar em jogos virtuais.

No entanto, uma coisa que faz com que todo mundo fique confuso é: “Por que eu compraria uma imagem sendo que qualquer pessoa pode copiá-la, tirar print, reproduzir e tal?”. Sim, qualquer um que quiser pode copiar seu NFT, PORÉM… quem tem a posse sobre o NFT, é você! Através dessa tecnologia, é possível rastrear o token e o dono fica com todos os direitos autorais e de reprodução do ativo. Na verdade, é bem parecido com o que acontece hoje fisicamente: você pode imprimir aí na sua casa o quadro da Monalisa, quantas vezes quiser e vender suas cópias. Mas todos sabemos que apenas uma pessoa pode ter a original!

Non-fundible token como investimento

Eu poderia ficar o resto da vida contando sobre várias coleções NFTs que tornaram seus criadores milionários ou até mesmo bilionários. Quer um exemplo rápido? Vou só colocar as notícias aqui rapidinho:

Tem muita gente ganhando dinheiro com os NFTs, seja comprando para revender, jogando ou criando um desses tokens não fungíveis. Mas, tem um NFT que paga dividendos para seus detentores, que é o CyberKongz.

CyberKongz

Segundo a reportagem de Gabriel Rubinsteinn, da Exame, “A coleção CyberKongz inclui 4.000 desenhos de macacos que, como os CryptoPunks, se diferenciam de acordo com características visuais, como cor do pelo, acessórios e afins, que fazem com que cada um seja mais, ou menos, raro – e, claro, também mais, ou menos, valioso.

Os dividendos, entretanto, valem apenas para os Genesis CyberKongz, que foram os mil primeiros a serem emitidos. Eles garantem aos seus proprietários o recebimento de 10 tokens BANANA por dia – o que na cotação atual equivale a mais de 900 dólares (5.000 reais) todos os dias. O pagamento é garantido por 10 anos, o que significa que os donos desses NFTs receberão 10 BANANA por dia até março de 2031, apenas por guardar o criptoativo.”

Coleção CyberKongz

Plataformas de NFT

A maioria dos NFTs hoje, são lançados pela blockchain da Ethereum – que embora possua seus defeitos e limitações, é de longe, uma das redes mais magníficas que já vi. A Ethereum é uma rede que possui a criptomoeda Ether (ETH), que todo mundo chama automaticamente de Ethereum mesmo. Sua blockchain permite contratos inteligentes, que permitiram a criação dos NFTs, que por sua vez, requer mais capacidade de armazenamento e processamento para as informações adicionais que um NFT possui.

Embora a Ethereum seja a blockchain mais adotada, não é a única. Outras redes podem criar seus próprios NFTs, como a Solana e a Tron, por exemplo. Futuramente, como mencionado no artigo sobre a Cardano, a rede também disponibilizará os NFTs.

Pra que serve o NFT?

Depende. Hoje vemos como uma forma de arte digital ou itens de jogos, como personagens, acessórios, terrenos e outras propriedades. No entanto, em 2017 eu escrevi um texto sobre o que é a blockchain e lá, há 4 anos atrás, eu escrevi que a blockchain servia para construir qualquer coisa, até mesmo coisas que ainda não foram inventadas. Embora essa frase tenha 4 anos, ainda é bem atual: o que não foi inventado poderá ser construído com a blockchain. E há 4 anos, não existia NFT.

Seguindo essa mesma lógica, os NFTs podem ser usados para inúmeras coisas que precisam comprovar propriedade e que seja único, até mesmo aquilo que ainda não foi inventado.

Artistas

Para artistas, criadores de conteúdo, programadores, desenhistas e/ou gente criativa: você pode criar um NFT! Talvez você se interesse por todas as possibilidades que esta tecnologia oferece, além de aumentar – significamente – o seu mercado e o valor que você receberá. Lembrando que pode ser qualquer coisa: vídeos, áudios, músicas, imagens ou qualquer outra coisa digital. Você sabia que até o meme da Cloe (aquela menininha com olhar de reprovação) virou um NFT?

Uma outra ferramenta interessante para artistas que usam a tecnologia dos NFTs é poder receber uma porcentagem da negociação do seu token sempre que ele for vendido ou transferido para outras pessoas.

Colecionadores e negociantes

Os NFTs são cripto ativos também e podem funcionar para comprar por um preço menor e vender por um preço maior. Tipo fazer trading mesmo com o NFT! Outra coisa interessante é ter o direito sobre o NFT, assim como quem compra uma obra de arte, é o único dono dela.

Caso você seja um multi milionário, esse será seu novo playground, colecionando cripto ativos que valem milhares de dólares apenas por tê-los, trocá-los por outros ou ser o maior detentor desse tipo de obra. Se seu objetivo como comprador não for receber lucros, então isso será só um hobbie.

Você já sabia o que eram os Non-fundible tokens? Já criou ou comprou algum NFT? Me conta aqui nos comentários e aproveita e segue lá nas redes sociais 👇

Este post foi escrito com muito amor ♥

Jéssica.

Deixe uma resposta